Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo concabino

Por que trabalhamos em dupla na interpretação?

Muitas pessoas me perguntam porque sempre vocês fazem um evento em dupla? Nossa! "É um evento de duas horas, você dá conta". Bem, até conseguimos, mas o desgaste cognitivo e mental é muito grande.  Você já parou para pensar o que é uma interpretação?  Temos de ouvir, processar a ideia e transmiti-la em questão de segundos e em outra língua, e na interpretação remota isso se faz mais necessário, pois há possibilidade de queda de energia e perda de conexão e o seu colega tem de assumir.  A cada 20 minutos trocamos de intérprete ou até menos tempo dependendo da complexidade do evento. Então, como realizar esta troca de intérpretes e de informações na interpretação remota? Estando na mesma cabine, combinamos o tempo de troca, cronometramos e damos um sinal ao concabino (a) e assim que surge uma oportunidade fazemos de troca de intérpretes.  Contudo, na interpretação remota temos que estar conectados pelo que chamamos de back channel (recurso utilizado para a comunicação dos conca